Resumo Colcci SPFW Verão 2010/2011

O desfile mais esperado por mim e valeu a pena com a dupla considera a mais bonita do Brasil por muitos, Reynaldo Gianecchini e Gisele Bündchen fizeram do desfile algo brilhante e com gostinho de correr para loja comprar. Preparem o bolso!

“Colcci é uma empresa brasileira de criação e confecção de roupas. Fundada em Brusque, passou por uma grande reformulação no ano de 1997. As peças da marca, que eram básicas, ganharam um conceito fashion. Mudou-se a marca, embalagens, e as lojas foram reformuladas.”

Fotos da Coleção Completa:

Review:

Por André Rodrigues (@randreh)Gisele faz toda a diferença. Para um desfile, não para uma coleção. Para o comercial, não para a criação. Depois de passar uma temporada off por conta do nascimento de Benjamin, La Bündchen retorna e faz valer cada centavo do seu contrato milionário com a Colcci: a aparição de Gisele na boca da passarela é um surto, cada passo é um grito, os pivôs fazem a plateia sair do eixo. Roupa? Que roupa? A barriga sumiu? O quadril aumentou? O cabelo mudou? A cara tá boa? A perna ficou muito oleosa, o cabelo gotevaja, Gisele, Gisele, Gorete quer ser Gisele, toda mulher quer ser Gisele! Shirley Mallmann? Gisele! Fernanda Tavares? Gisele!

Foi ótimo para Gisele passar uma estação longe do SPFW, e melhor ainda para a Colcci: eles não terão desta vez que se preocupar muito em como as clientes vão assimilar as muitas transparências ousadíssimas que podem causar uma epidemia nacional de periguetismo. As estampas de penachos com pegada tropical vão ao encontro de um movimento legal que tem rolado nas passarelas, mas também não ficam tão legais numa mulher comum quanto ficariam nela, de novo, Gisele. Listras amplas e poás em diferentes tamanhos e orientações geram grafismos em patchworks que também são visualmente interessantes: a segunda entrada de _complete este espaço com o nome dela_ num look saia + casaco todo listrado tem um styling super esperto, causando a impressão de que a blusinha transparente é um reflexo do restante da roupa. Sensacional.

É ele, o styling, que ajuda a segurar a onda na maior parte do desfile. A mão precisa e experiente de Flavia Pommianosky e Davi Ramos ameniza o impacto negativo que roupas tão comerciais, prontas-pra-usar-agora, costumam ter num evento de moda como o SPFW. Não é um problema fazer roupa pra vender, mas sim não saber mostrar essa roupa para quem vai comprar. A apresentação foi longa, teve várias etapas, um abuse&use garimpado em bureaus internacionais de tendências. Mas teve Gisele. E, na decisão da compra, isso é tudo o que importa para a cliente Colcci.

Direção criativa: Jessica Lengyel
Direção de arte: Giovanni Bianco
Styling: Flavia Pommianosky e Davi Ramos
Direção de desfile: Ruy Furtado
Make up & hair: Daniel Hernandez
Trilha sonora: Zé Pedro

Fontes:

http://ffw.com.br

http://pt.wikipedia.org/wiki/

Deixe seu comentário!

Se tiver qualquer dúvida, crítica ou sugestão, use esse espaço para expor.

/* */